3 brincadeiras divertidas (sem usar baralho) para rir com os amigos

by

Quem aí já viajou ou planejou um encontro entre amigos mas de última hora que lembrou dos queridos jogos de cartas e baralho? Pois é, o jeito agora é improvisar e separei 3 brincadeiras divertidas para juntar a turma e dar muitas risadas.

1. Tabuada

Juro que não vai ficar rude você desafiar alguém a lembrar a tabuada e vai ficar até algo bem divertido.

Como funciona: nesse jogo é preciso que fiquem em forma de roda. Cada hora será a vez de um jogar. Se seguirem a tabuada de 7, toda vez que for o número 7 ou algum número que termine com sete, você precisa dizer “boom!” ao invés do número. E, claro, para os números presentes na tabuada do sete: 7, 14, 21…

Para começar a jogar basta começar uma contagem dos números.
Ficaria assim: 1, 2, 3, 4, 5, 6, boom! 8, 9, 10, 11, 12, 13, boom!

Se acha que esse vai ser uma moleza por causa da distância entre as vezes em que aparecem os números, vale jogar com multiplos de 3, por exemplo, e ver todo mundo enlouquecer com a quantidade de “boom!” que surgem. 1, 2, boom! 4, 5, boom! 7, 8, boom! 10, 11, boom! boom! 14, boom!

Esse jogo funciona por eliminação. Então, toda vez que alguém errar, sairá do jogo e começará tudo do 1.

2. Trava língua

Dessa vez o trava língua da rodada é relacionado ao limão. Cada uma das pessoas na roda ganhará um número. É preciso ficar atento a ele, pois a cada nova rodada ele se alterará.

Vamos supor que sejam 4 pessoas jogando. Terão, então, os números 1, 2, 3 e o 4. Como estamos falando de limão, esse número se refere à quantidade de limões de cada um.

Essa brincadeira é bem para mexer com a nossa habilidade de fazer o plural e, claro, de raciocínio.

Como funciona: neste jogo você precisa negar a sua quantidade de limões e passar para outro jogador. Quem começa sempre é o que possui um.

1 limão não, 2 limões.
2 limões não, 4 limões.
4 limões não, 3 limões.
3 limões não, um…

Mas sabe qual é a parte mais engraçada dessa brincadeira? É quando a pessoa fala milhões ou milões ao invés de limões. Ou então, quando fala um número como 5 ou 6, caso não tenha essa quantidade de gente jogando.

A dica é já começar a falar a frase sabendo para qual número de limão jogará, assim, a chance de pronunciar errado diminui muito.

3. Bate e volta

Essa, com certeza você já jogou!

Nesta brincadeira é preferível que todos estejam sentados ao redor de uma mesa. Todos vão colocar as mãos na mesa de uma forma que o braço de um sempre fique para cima e outro para baixo. Cruzando os braços mesmo.

Como funciona: A ideia é jogar apenas com o movimento da mão batendo na mesa. Vale optar por começar no sentido horário. Mas ao longo do jogo o sentido poderá se alterar e, por isso, é preciso muita atenção dos jogadores.

Uma batida na mão continua o fluxo na direção em que está. Duas alteram a direção. Tem outras regrinhas que podem pular uma mão. Mas joguei apenas com essas duas primeiras regras e deu muito certo.

Todas essas brincadeiras divertidas eu experimentei antes de contar para vocês e amei. Por isso, vieram parar aqui no blog. Se vocês conhecem outras brincadeiras mandem aí nos comentários.

Já falei sobre outra brincadeira super divertida aqui no blog, a mímica. Se quiserem assistir ao vídeo é só dar o play ou ler como organizamos a brincadeira.

Até o próximo post,
Beijos,
-Aninha Carvalho

Siga o Diário da Aninha Carvalho nas redes sociais: Twitter Aninha & Twitter Diário | InstagramFacebook | Pinterest – SNAP: aniinhac18 – YouTube

No Comments Yet.

What do you think?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *