O que há por trás da série Santa Clarita Diet da Netflix?

by

Série nova da Netflix? Toca aqui! Em um dia do final de semana eu e o meu namorado já terminamos a Santa Clarita Diet. (Foi bem na semana do lançamento então, podem brigar nos comentários mesmo, porque demorei demais para postar!) E hoje, finalmente, a postagem é exatamente sobre isso. Você sabe o que há por trás da série Santa Clarita Diet?

Para começar vamos entender primeiro do que se trata. Sim, estamos falando de uma diet. E não, o nome da série não ajuda em nada a decifrar do que se trata e qual é essa dieta.

Então vamos para o tal Santa Clarita. Esse é o nome de uma cidade norte-americana em que se passa a série. Agora, a tal dieta eu preciso explicar mais detalhadamente.

Personagens da Série

Imagine uma família comum, com dias comuns, mas que não é perfeita. Afinal, toda família tem seus defeitos. Com essa não é diferente.

Logo nos primeiros episódios da série já podemos perceber que a mãe, Sheila, interpretada por Drew Barrymore (que realmente me encantou na série), precisa se libertar mais. É como se ela tivesse mil e uma vontades mas ela mesma a impedia de realizar todas. Resumindo. Uma mulher bem contida. E que achava que precisava ser um exemplo para todos. Essa, com certeza, seria a descrição perfeita para muitas mães por aí.

Já o pai, Joel, interpretado por Timothy Olyphant não se decidiu sobre o que quer ser na vida. Mas acabou caindo de cara no trabalho de corretor da sua mulher. E os dois trabalham juntos. Parece que o pai é mais um adolescente, assim como a filha. Resumindo. Os dois estão ali por uma obra do destino.

Eles se conheceram na escola e namoram desde então. Se casaram e, sim, está bem claro que eles se amam muito. Mas é como se estivessem juntos por comodidade.

santa clarita diet netflix

Joel, Sheila, Abby e Eric

Já a garota, Abby, interpretada por Liv Hewson, mais uma adolescente que está querendo experimentar coisas novas. Inicialmente parecia bem normal para mim. Da família inteira a Abby, com certeza, a mais normal. Juro.

Ter vizinhos pode fazer a diferença

A história da série Santa Clarita Diet se passa dentro de um bairro, a maior parte do tempo. Então os vizinhos de Sheila e Joel também são parte importante do elenco.

O principal deles é o filho da vizinha. Ele se chama Eric e tem uma “quedinha” por Abby. Só para ser legal com o garoto, porque fica bem óbvio que ele gosta dela desde o início. A amizade dos dois aumenta no decorrer da série. Mas Abby não dá muitos sinais de que quer que vá para um próximo nível.

Eles moram entre dois policiais, o que pode parecer muito perigoso no início mas no final acaba sendo tranquilo.

Dan é o padrasto de Eric. Ele é um dos vizinhos policiais. O relacionamento dele com a esposa está bem ruim. Tanto que ela acaba procurando um amante. E com o Eric também não é bom, isso porque o garoto não aguenta mais as reprovações do padrasto.

Já os outros dois vizinhos são mais tranquilos. O policial até fuma com o Joel. Falei que ele era igual um adolescente perdido!

Tchau, Gary!

Já no trabalho deles a única pessoa que mais me irrita é um corretor novo na cidade, o Gary. Ele sismou com a Sheila e a persegue para todos os lugares. Mesmo sabendo que ela é casada. Sim, desde o início ele sabia que ela era casada. Tanto que vai até assediar a mãe no próprio quintal dela. Muito sem noção. Mas a girl power Sheila vai resolver a situação de um jeito bem “racional”.

História da série

A gente tem ouvido falar bastante de zumbis. Desde que essa modinha de séries desse tipo começou, já tivemos as guerras entre zumbis e humanos até zumbi voltando a ter um coração saltitante. Então, sair do comum é o que não falta.

Agora a história é bem diferente. Vamos pensar na lógica. Virar zumbi significa, tecnicamente, estar morto. Certo? Errado. Na ficção zumbis podem até se transformarem em flores, vai da criatividade do roteirista. E nesse caso, Victor Fresco resolveu propor a seguinte questão: e se o zumbi morresse mas continuasse “vivo”?

Em séries como The Walking Dead é possível perceber que os zumbis perdem totalmente a noção de quem são e começam a agir de uma forma irracional. Em Santa Clarita Diet não é assim. Pelo menos, por enquanto.

Como descobrem

Um belo dia Sheila passa a não conseguir mais dormir durante toda a noite. A ter um “apetite sexual” maior. E, claro, começa a comer carnes cruas.

Imagine chegar na cozinha e ver a sua mãe comendo carne moída crua? É isso que Sheila começa a fazer. Depois quando estão mostrando a casa para um dos clientes, ela simplesmente começa a passar mal e a vomitar muito. Sério, muito mesmo! Sem brincadeira.

E como a série é uma comédia, ai já viu? Tudo muito exagerado. Mas até que conseguiram dosar bem essa parte mais escandalosa do cômico. A série, como um todo, é exagerada na medida certa.

No meio do vômito, Joel encontra uma bola que parece um órgão pequeno. Mas, pouco provável que seja. Na série não fica claro como ela ficou assim, do porque dela ter virado um zumbi.

Sheila e Joel vão para o médico. Mas demoram a ser atendidos. Bem SUS aqui no Brasil. E desistiram de ir ao médico. Então Joel e a filha tentam entender o que estava acontecendo com Sheila. Compraram um estetoscópio para tentar ouvir o coração. E, claro, não conseguiram ouvir nada.

Santa Clarita Diet

Eric começa a ajudar a família de Abby

Quem começa a ajudar a partir daí é o vizinho deles. O jovem Eric. Ele adora esses assuntos místicos e poderia ajudar a família a resolver o caso.

E, ela comer carne crua nem é um problema assim não sério. O pior acontece quando ela prova pela primeira vez a carne humana. Aí embanana a história toda!

Primeira temporada de Santa Clarita Diet

A série foi lançada na Netflix no dia 3 de fevereiro de 2017 com 10 episódios. Cada um deles não passa de 30 minutos. Então, quer assistir tudo de uma vez como eu fiz? Separe umas 5 horas do seu fim de semana e mergulhe na Santa Clarita Diet.


O que mais gostei nessa segunda temporada foi de como toda a situação foi levada pelos personagens.

Eu não ficaria nada bem se descobrisse que alguém teria virado um zumbi, mas que ainda estava ali, suave. Em um dos episódios podemos notar que não estava sendo fácil nem para a filha nem para o pai. Então acaba mostrando o quanto aquela situação é incomum e nos transportando novamente para uma realidade mais próxima.

Além disso, achei interessante o fato de Sheila não adquirir nenhum poder paranormal, como a força. O que mostrou que ela era “apenas mais uma zumbi” o tempo todo.

Outro ponto interessante é o relacionamento dela com o marido que acaba ficando mais apimentado. Mas, ao mesmo tempo, eles não perdem o sentimento inicial que tinham um pelo outro. Apesar de considerar profundamente que estão juntos até hoje com a ajuda do acaso. Afinal, eles demonstram ser bem acomodados com a vida.

Fora isso, acredito que seja uma série Santa Clarita Diet interessante e vale ressaltar que é uma comédia. Então, não vai encontrar nada de muito científico ou mirabolante. O que deixa a série bem básica para quem está acostumado com ficção científica.

Santa Clarita Diet nas redes sociais

Algo que eu também adorei dessa série foi como eles trabalharam as redes sociais. Quem aí viu o Fábio Junior cantando Alma Gêmea ou as propagandas da dieta? Foram incríveis! Dá o play nelas aí!


Já assistiram a série? O que acharam? Mandem nos comentários!

Beijos,
-Aninha Carvalho

Siga o Diário da Aninha Carvalho nas redes sociais: Twitter Aninha & Twitter Diário | InstagramFacebook | Pinterest – SNAP: aniinhac18 – YouTube

FOTOS: Reprodução Netflix

3 Responses
  • MARCOS
    março 10, 2017

    vi e não gostei. Muito fraquinha. Não consegui dar um sorriso. Perdi meu tempo assistindo.

    • Ana Clara Carvalho
      março 11, 2017

      É, se formos parar para pensar mesmo ele não é aquele seriado engraçado para dar gargalhadas, nem aquela série com uma história complexa para deixar a gente “de cara”. É bem no limite dela mesmo. Mediana.

What do you think?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *